Tudo errado no Palmeiras

PalmeirasA Sociedade Esportiva Palmeiras completará em 2014 seus 100 anos de vida, seu passado é glorioso e seu futuro nebuloso, após mais de dez anos vivendo uma era instável, destaca-se aqui as duas quedas para a segunda divisão do nacional os dirigentes mudam e os erros continuam.

O mais recente cumulo do absurdo atende pelo nome de Gilson Kleina e a saga da renovação, cabe aqui analisar que Kleina nunca foi opção para o centenário do clube a diretoria do Palmeiras catou borboletas primeiro as escuras procurando um novo treinador derrotado pela alta pedida salarial cometeu o mais absurdo erro de admitir que procurou outro profissional e mais ainda em admitir que Kleina é a única opção no Brasil, como se isso não fosse o bastante ofereceu a “metade” isso mesmo metade de seu salário atual para renovar com premiações por metas, Kleina por sua vez agiu certo em não aceitar fazendo jogo duro para a renovação principalmente por haver um certo menosprezo com o profissional.

Paulo Nobre não é homem, se ele quiser me processar que me processe, só é essa a minha opinião, vamos falar a verdade, Kleina é horrível treinador que no máximo tem algum carisma pelo elenco, estar de bem com os vestiários é importante, mas, ele não enxerga o jogo é o terror dos adeptos mais exigentes que não aguentam mais tamanha falta de bom senso e vamos ilustrar aqui os possíveis equívocos.

Leandro expulso – entendo que isso é algo que poderia ser evitado, presumo que o treinador conhece os seus jogadores e Leandro tem sido um poço de indisciplina, quando tomou injustamente o cartão amarelo e estava visivelmente descontrolado o certo era cogitar a possibilidade de tirá-lo de campo, Kleina não fez e deu no que deu.

Insistência com péssimo jogador – eu não gosto do André Luis, Juninho e alguns outros, mas, sem dúvida o pior de todos os vilões é Caio. Esse jogador é a escoria do Palmeiras e diga-me se estou falando alguma mentira, ele não faz gols, não marca, não ataca, não defende, ele não fez nada é só um poste dentro de campo é horrível.

Técnico covarde – ele é extremamente defensivo, além de dar chances a quem não merece, não da oportunidades para quem já mostrou serviço, quem você prefere Vinicius ou Serginho? Por que poupar Valdivia que ultimamente está afim de jogar bola? Kleina adora zagueiros e volantes, atacar que é bom só quando o time está perdendo.

Julgamento do trabalho – aqui merece uma atenção especial, minha analise fria é a seguinte: paulista campanha aceitável perdeu para o Santos nas quartas de final jogando bola e dando trabalho para o favorito, Libertadores campanha até certo ponto aceitável por não ter pretensões, no entanto, a queda para o modesto Tijuana depois de ter empatado lá na casa deles e em São Paulo apenas precisar de uma vitoria simples ficou uma péssima impressão, Sul Americana de 2012, eliminado de forma vergonhosa, Copa do Brasil, eliminado de forma vexatória e sem fibra para o Atlético Paranaense e finalmente Campeonato Brasileiro da segunda divisão, campeão com uma campanha boa, no entanto, impossível de avaliar devido a fraqueza dos times envolvidos.

Conclusão: o trabalho de Kleina é modesto, ser campeão da segunda divisão não é mérito, qualquer treinador de time grande pode vencer essa competição, Kleina ainda se deu ao luxo de perder jogos decisivos e adiar o titulo como o empate com o São Caetano foi frustrante.

Voltando a falar sobre a forma como o Palmeiras conduziu as negociações eu diria “falta de caráter” Kleina é fraco, mas, o desrespeito para com o profissional é absurdo e evidente, se não existia a intenção de renovar que ele já ficasse sabendo logo, mas, oferecer um salário menor para a renovação foi um mico que podia ter sido evitado. O Palmeiras vai penar em 2014, reforços são mesmo necessários, no entanto, o que pode servir de alento é que os adversários da primeira divisão estão igualmente decadentes e da assim ao Palmeiras a possibilidade de disputar de igual com todos os outros, todos os times lixos reunidos novamente neste horrível Campeonato Brasileiro.

Anúncios

Sobre Thiago

Thiago Pereira de Brito (29) Jaraguá – São Paulo – SP é um cidadão que já teve de logo cedo lutar para viver, nascido no hospital Cruz Azul estava tentando ganhar peso suficiente já que nasceu fraco, mas infelizmente o excesso de oxigenação queimou o globo ocular de sua visão direita e o deixou sem entrada de luz e também afetou consideravelmente o olho esquerdo do qual enxerga estimados trinta por cento. O primeiro grande desafio do Thiago venho na infância a escolha de uma escola normal ou especial não parecia uma decisão muito fácil, mas, Thiago escolheu de bate pronto o que queria enfrentar e durante boa parte de sua vida enfrentou dificuldades sendo que a maior delas foi a sua própria alfabetização. Hoje Thiago trabalha como analista de suporte à redes por uma grande empresa, formado em ciência da computação tem uma história vencedora que você pode conhecer neste site acessando a seção História de Thiago.
Esse post foi publicado em Opinião e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s