Sou totalmente contra o CREA de TI

Certificado Cisco CCNAA classe dos profissionais de TI não tem o CREA ou seu equivalente e existe um projeto tramitando no senado para a criação de um, mas no meu ponto de vista com o modelo atual da carreira dos profissionais de TI um CREA seria desastroso e extremamente caro para quem segue e trabalha na carreira de TI.

O problema que vejo se resume basicamente as certificações de especialidade que é o que atesta hoje se um sujeito pode ou não desempenhar determinada função e ainda assim na maioria das vezes esses certificados são vistos com olhos tortos uma vez que existem entidades que fornecem as provas quase idênticas quando não 100% idênticas banalizando assim as certificações.

No entanto no mundo dos profissionais de TI existe profissionais sérios que estudam muito para obter as certificações e mantê-las como por exemplo aqueles que se dedicam a obter o CCIE uma certificação de nível especialista “expert” da Cisco realmente difícil de ser obtida pois exige do candidato a aplicação pratica e o real desafio em laboratório algo que dificilmente pode ser burlado com auxilio de DUMPS (simuladores reais de prova) além disso quando um candidato é certificado ele precisa manter a certificação que gera custos uma vez que de 2 ou 3 anos expira-se sua certificação sendo necessário efetuar nova prova para obter a renovação da mesma.

Imagine um profissional de TI ter que pagar o CREA e as renovações de seus certificados? Outro problema ainda maior é o que o CREA atestará ao profissional de TI levando-se em consideração as vastas especialidades e diferentes níveis e campo de atuação de um profissional de TI que vai desde um técnico a analista sênior, vai desde o profissional de design de projetos de rede até um expert em gerenciamento de banco de dados ou um programador sênior.

Por mais que comparado a outras áreas tenha as suas categorias como o direito tem civil, penal, trabalhista entre outros assim como a medicina tem a pediatria, fisioterapia, veterinária entre outros um profissional de TI não parece precisar de um CRM sua garantia é seu certificado quando é necessário exceto os engenheiros de hardware ou de obras de infra-estrutura que precisam assinar documentos, por isso TI não é medicina, engenharia e direito que precise de um conselho de classe e que você pague por ele uma vez por ano para exercer sua função para isso já basta as chatas e renováveis certificações de especialidade como a mercenária Cisco já cobra de seus candidatos e outros fabricantes indo pelo mesmo caminho.

Para você ter uma ideia um candidato a CCNA (certificação básica) da Cisco de iniciante tem de desembolsar 295 dólares para efetuar a prova e atingir uma pontuação de 825/1000 que equivale a 75% da prova e por sua vez um candidato a CCIE precisa desembolsar só na prova pratica (laboratório) a bagatela de 1500 dólares para fazer a prova pratica e se não passar com certeza vai doer no bolso do candidato ou da empresa.

Claro que os profissionais de TI precisam ser reconhecidos e ter a sua entidade de classe que os represente e os ateste, mas não vejo que precise ser dessa forma seguindo a mesma lógica das demais entidades de classe por que são perfis de trabalho totalmente diferentes e não faz nenhum sentido o profissional pagar por essa entidade de classe para que? Se o CREA de TI existir os certificados deveriam cair por terra e a única certificação que estaria valendo é aquele que passaria no CREA da TI e que por tanto teria os direitos de assumir a responsabilidade por grandes projetos tecnológicos, mas não vejo onde isso se encaixa no ramo da tecnologia da informação.

Anúncios

Sobre Thiago

Thiago Pereira de Brito (29) Jaraguá – São Paulo – SP é um cidadão que já teve de logo cedo lutar para viver, nascido no hospital Cruz Azul estava tentando ganhar peso suficiente já que nasceu fraco, mas infelizmente o excesso de oxigenação queimou o globo ocular de sua visão direita e o deixou sem entrada de luz e também afetou consideravelmente o olho esquerdo do qual enxerga estimados trinta por cento. O primeiro grande desafio do Thiago venho na infância a escolha de uma escola normal ou especial não parecia uma decisão muito fácil, mas, Thiago escolheu de bate pronto o que queria enfrentar e durante boa parte de sua vida enfrentou dificuldades sendo que a maior delas foi a sua própria alfabetização. Hoje Thiago trabalha como analista de suporte à redes por uma grande empresa, formado em ciência da computação tem uma história vencedora que você pode conhecer neste site acessando a seção História de Thiago.
Esse post foi publicado em Opinião e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s